terça-feira, 12 de junho de 2012

Is so hard to say goodbye


 No fim de um dia difícil, aqui estou eu. Com as mãos sobre o teclado, esperando as palavras surgirem em minha mente, enquanto a única coisa que insiste em aparecer é uma nova lágrima.
 É difícil traduzir o que estou sentido em palavras. Não sei se pela overdose de emoção, ou pelo fato de que eu não sou a melhor com palavras. Queria poder fazer um texto bonito e cativar quem está lendo, mas a única coisa que eu realmente me importo de realizar de fato, é desabafar.

 É engraçado como o provérbio "só damos valor á algo quando perdemos" pode ser facilmente aplicado em nossas vidas. Felizmente nem tudo é assim, a perda de algo pode nos mostrar o quão importante e significativa a tal coisa era em nossas vidas.

  Ter alguém ao lado todas as manhãs, só para não tomar o café da manhã sozinha, ter uma plateia enquanto  canto ou danço feito louca na frente do espelho, ou somente alguém para avisar se uma pessoa está entrando em casa; não é qualquer um que faria isso, mas existe alguém que fez. Alguém que muitos não dariam grande importância, e alguém que alguns pensam que eu não dava tanta atenção, mas alguém que se importava comigo.

  Como é possível um ser tão pequeno deixar um vazio tão grande? A casa quieta, ninguém pra me avisar quem chegou, os brinquedos sem um dono,  os corredores vazios, é assim que esse lar será daqui por diante.

 A única coisa que eu gostaria era de ter sido capaz de dá-la um último abraço, e não ter  a deixado sozinha em suas últimas horas. Imagino o quão assustada ela estava enquanto via somente rostos estranhos a sua volta, com coisas estranhas nas mão e falando coisas estranhas, e tudo o que precisava, era ouvir uma voz familiar.

 Hoje é só a primeiro dia em que irei dormir pensando nela, e só o primeiro dos muitos em que irei sentir sua falta.
 É assim que hoje, 11/06/12, digo um doloroso adeus á uma querida amiga.

2 comentários:

  1. Aconteceu o mesmo comigo mês passado, e isto é tão... Triste! Também escrevi sobre,se quiser ver.
    http://ianearantes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu te entendo completamente
    Um vazio inexplicável
    Seu texto me tocou bastante...

    Flights and Dreams

    ResponderExcluir